27 junho 2016

' Tag ' - 13 Perguntas Pessoais


Vocês sabem que eu amo responder tag né? :D
Fiquei super feliz quando a Lorrayne do blog Lorrayne Souza me indicou pra essa tag que é bem pessoal, e hoje estou aqui pra dividir com vocês. Bora lá :)

1- O que costuma pedir no Starbucks?
Aqui em Taquarituba não tem Starbucks :( mas a única vez que fui eu pedi uma bebida de chocolate que não lembro mais o nome porque faz tempo hehe

2- Qual item do armário você não consegue viver sem?
Shorts sem dúvidas. Amo pra sair, viajar e ficar em casa :)

3- Uma coisa que provavelmente não sabem sobre você?
Antes do blog eu fiz curso de pintura em tecido e biscuit, era tão bom fazer coisinhas fofas hehe

4- Diga uma coisa que você quer fazer antes de morrer.
Não sei algo especifico, são tantos sonhos e desejos.

5- Qual comida você não consegue viver sem?
Lasanha 

6- Qual frase rege a sua vida?
Gosto muito desse versículo da Bíblia que está em 1 Coríntios 6:12:
Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas; mas eu não me deixarei dominar por nenhuma delas.

7- O que você gosta e não gosta sobre o Youtube?
Eu gosto dos vídeos em si, passo horas assistindo. E não gosto de alguns vídeos que são patrocinados. Eu entendo que o trabalho das Youtubers e elas tem que ganhar pra isso. Mas acho que alguns desses vídeos são forçados de mais.

8- Qual é a música mais ouvida no Spotify?.
Na verdade não tenho Spoty (nem sei bem o que é hehe), mas minha música mais ouvida do celular mesmo é Acredito - Leonardo Gonçalves.



9- Como você definiria seu estilo?
Eu não tenho um estilo definido. Uso sempre o que eu gosto e gosto de coisas de vários estilos diferentes. Gosto de inovar, experimentar coisas novas.

10- Número favorito?
8 :D

11- Dois hobbies?
Fotografia e blogar 

12- Duas coisas que te irritam?
Me interromper enquanto falo, isso me irrita demais. E péssimo atendimento em lojas ou estabelecimentos (isso tem me irritado muito ultimamente).

13- Um prazer culposo?
Comer muita gordice sem duvidas hehe

Bom, é isso pessoal :)
A tag também pede para indicarmos 13 blogs para responder, mas eu vou deixar livre para quem quiser responder também. Então sinta-se indicada por mim.


Acompanhe as novidades do blog também nas redes sociais:
' Bjos. Até a próxima!

24 junho 2016

' Na Cozinha ' - Panqueca de Iogurte Grego


Olá pessoal! Tudo bem por ai?
No começo do ano eu fiz um post no blog Coisas de Blogueiras com uma receita deliciosa de panqueca de iogurte. A receita era mais saudável, e fez muito sucesso aqui em casa, tanto que eu resolvi reproduzir, mas dessa vez com gordices que eu amo :)

Bora apresentar a fazer essa delicia?

Ingredientes:

  • 1 xícara (chá) de farinha de trigo; 
  • 2 ovos; 
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó; 
  • 2 colheres e meia (sopa) de margarina; 
  • 1 pote de Iogurte Grego (que você pode substituir por outro de sua preferência); 
  • 1 colher (sopa) de açúcar; 
  • Morangos; 
  • Creme de avelã; 
  • 1 colher (chá) de essência de baunilha;
Modo de preparo:
1- Reserve meia colher de margarina, você vai usar para untar sua frigideira.
2- Bata na batedeira o Iogurte, a essência de baunilha, a farinha de trigo, as gemas, as 2 colheres de margarina e o açúcar. Reserve.
3- Agora bata as claras em neve.
4- Com a ajuda de um fue misture a massa, as claras e o fermento delicadamente;
5- Unte a frigideira com um pouco da margarina, coloque meia concha de massa e frite até que a massa fique dourada, depois vire e frite o outro lado também.
6- Sirva quantas panquecas quiser em um prato espalhando por cima o creme de avelã e depois os morangos picados.

PS. A massa rende 6 panquecas mais ou menos do tamanho das que eu fiz.
PS 2. Não testei mas acho que fica melhor ainda se acrescentar chantilly nesse recheio.


Então é isso pessoal. Espero que tenham gostado dessa gordice e eu gostaria de saber, qual das duas formas você mais quer experimentar: com frutas ou creme de avelã? E se tiver outra ideia legal para rechear essa panqueca me conta também :)

Acompanhe as novidades do blog também nas redes sociais:
' Bjos. Até a próxima!

22 junho 2016

' Papai quem fez ' - Estante de Canecas


Demorou mas finalmente vim pra compartilhar com vocês o post da minha tão sonhada estante de canecas ♥ e mostrar um pedacinho da minha cozinha que só esta faltando a decoração e a mesa pra rolar o tour :D
Mas quem se lembra de quando contei aqui que meu pai ia começar a minha?

Bom, quando pedi pro meu pai fazer a estante ele mudou algumas coisas (basicamente tudo hehe), só deixou mesmo a largura certa pra cada caneca que era um desejo meu, já que eu queria todas a mostra.

Lembro que ele terminou rapidinho, levando em conta que trabalhava nela apenas algumas horas por dia.

Com a estante pronta chegou a minha vez de colocar a mão na massa. Passei duas demão de verniz nela inteira, deu uma dor de cabeça pelo cheiro, mas valeria a pena.
Nessa foto ela está de costa.

Depois do verniz finalmente vim com a pintura, a cor escolhida foi o branco, menos pro fundo. Acho que passei duas demão de tinta também.

Com a estante pronta fui pro fundo dela. Escolhi encapar todo ele com papel contact preto fosco. E depois com a ajudado meu pai (na verdade eu o ajudei) pregamos o fundo na estante.

Minha estante estava quase pronta, faltava apenas a parede. Mas como isso demorou, com o tempo ela empoeirou e amarelou.  E com isso tive que passar mais uma demão de tinta, e agora sim ela esta linda na parede.
Nessa foto vocês podem ver que a prateleira de cima não tem o detalhe da madeira dividindo. Resolvi tirar ela pra conseguir colocar mais canecas, mas a madeira esta aqui e quem sabe depois eu coloque de volta :)

Ainda penso em colocar uma porta de vidro nela pra evitar empoeirar as canecas, e por ideia do meu pai também. Mas isso vai ficar pra depois.

Bom, agora quero saber de vocês: o que acharam da estante prontinha? O que acham de por porta nela? Conta ai nos comentários a opinião de vocês :)

Acompanhe as novidades do blog também nas redes sociais:
' Bjos. Até a próxima!

20 junho 2016

' Resenha ' - A Corte do Ar


Olá pessoal, olha só quem resolver aparecer... Exatamente, eu mesma. Kkkk
O ano passado foi bem corrido pra mim, estava no último ano de faculdade, e fui praticamente obrigada a ficar longe dos meus livros. Isso foi muito triste! Mas aqui estou eu novamente, e espero não desaparecer mais.

E pra marcar a minha volta, vou compartilhar com vocês um livro um pouco “diferente” do que estou acostumada a ler, do autor Stephen Hunt.



Dois órfãos em fuga, cada um com o poder para salvar o mundo.
Quando a órfã Molly Templar testemunha um assassinato brutal no bordel onde foi colocada como aprendiz, seu primeiro instinto é correr de volta para o orfanato em que cresceu. Ao chegar lá e encontrar todos os seus amigos mortos, percebe que ela era o verdadeiro alvo, pois seu sangue contém um segredo muito cobiçado pelos inimigos do Estado.
Enquanto isso, Oliver Brooks é acusado pela morte do tio, seu único familiar, e forçado a fugir na companhia de um misterioso agente da Corte do Ar. Perseguido pelo país, Oliver se vê cercado de ladrões, foras da lei e espiões, e pouco a pouco desvenda o segredo que destruiu sua vida.
Molly e Oliver serão confrontados por um poder antigo que se julgava destruído há milênios e que agora ameaça a própria civilização. Seus inimigos são implacáveis e numerosos, mas os dois órfãos terão a ajuda de um formidável grupo de amigos nesta aventura cheia de ação, drama e intriga.

Título: A Corte do Ar
Autor: Stephen Hunt
Páginas: 544

Quando vi este livro nas prateleiras da Lojas Americanas simplesmente me encantei... O livro é lindo, muito bem desenhado, a capa tem uma escotilha transparente mostrando a imagem da orelha, ficou perfeito (e não é nenhum exagero)!
A Corte do Ar é uma literatura Steampunk, uma subcategoria da ficção científica que se estabeleceu no final dos anos 1980. Stephen Hunt criou um novo país com suas próprias cidades, populações, política e religião, um universo cuidadosamente imaginado e apresentado nas páginas de seu livro.

“Se você não vive no limite, está ocupando espaço demais.”

AerostatosCaotyl SelvagensQuatérturno e Brumaencantada, são algumas das palavras que o autor criou para seu novo mundo, e apesar de todas estarem muito bem definidas no Glossário localizado no final do livro, elas tornam a história bastante complexo, dificultando a compreensão. O designer do livro é lindo, mas a forma como a história foi escrita deixou a desejar...

Iniciei a leitura de A Corte do Ar no final de Abril, e só consegui finalizar no início de Maio... A leitura foi cansativa e confusa, o livro só conseguiu prender a minha atenção nos últimos capítulos, porém o final me decepcionou bastante.
Molly e Oliver são os personagens principais, mas passaram praticamente o livro todo separados, e o momento em que se encontram ficou muito vago, sem muita importância e pobre em detalhes. Stephen Hunt criou diversos outros personagens, alguns encantadores e outros muito assustadores, e estes se destacaram, mas às vezes ele foca em alguns que eu simplesmente não conseguia lembrar quem eram, o que dificultou um pouco mais a compreensão da história.

“- Muitas vezes, aquilo que se cala vale tanto quanto o que se diz e, por vezes, conhecer o futuro pode alterá-lo.”

Molly é uma menina de personalidade forte, e no decorrer da história mostrou o quanto é forte, corajosa e inteligente. Já Oliver era um sonhador, um Encantado que mal sabia quais eram seus poderes, porém corajoso... Mas como em um piscar de olhos ele se torna um dos personagens mais poderosos do livro, uma mudança de personalidade repentina e radical.

Como eu disse no início, o final me decepcionou bastante, fiquei sem saber o que aconteceu com diversos personagens... Nas ultimas páginas surge um novo personagem, e o autor conta vagamente o que acontece com Molly e Oliver.

 Em minha humilde opinião o autor poderia ter deixado o livro menos complicado, pois a ideia em si é interessante, porém foi contada de uma forma massante e complexa.

Americanas: R$ 37,90
Extra: R$ 28,27
Saraiva: R$ 49,90
Submarino: R$ 37,90

Bom pessoal, é isso. Alguém ai também leu esse livro? Quem leu, concorda comigo? Deixem suas opiniões aqui nos comentários!
Bjoos, e até a próxima resenha! Thau, Thau...


imagem-logo
Desenvolvimento por
imagem-logo